fbpx

Nós do Invista como uma garota sempre falamos que a vida é muito mais fluida que uma planilha e que os planos mudam. Mas claro, ninguém estava contando com uma mudança tão drástica, algo que só uma pandemia pode causar ao nosso planejamento financeiro. Então o que podemos fazer e aprender nesse período tão turbulento de coronavírus em relação ao nosso dinheiro? Segue alguns pontos importantes:

Entender de uma vez por todas a importância da reserva financeira

Acreditamos que agora, mais do que nunca, é possível entender a importância de ter uma reserva de emergência. Perguntando para as garotas que nos seguem no nosso Instagram, esse foi o maior aprendizado em relação a dinheiro durante esses dias. Seja porque é o que está salvando ou porque precisou dessa reserva e não tinha. Independente da sua situação, a mensagem é para entendermos o quanto é fundamental conhecer mais sobre isso e colocar em prática o quanto antes porque é ela que nos permite passar por momentos tensos como o que estamos vivendo agora. Já falamos sobre isso aqui no Chá de Autoestima!

Dá uma lida nos textos: Como organizar suas finanças, Planejamento e orçamento financeiro mensal: Como fazer e 5 dicas para (finalmente) conseguir juntar dinheiro.

Se pergunte o que realmente é essencial (agora e depois) 

O que é realmente essencial e importante na sua vida? Vimos uma frase na internet que dizia: “É engraçado, a economia está prestes a colapsar porque as pessoas estão comprando apenas o que precisam”. Ninguém tá dizendo aqui que quando a pandemia passar a solução para não gastar é ficar sem sair de casa, sem viajar, sem comprar coisas novas – nosso ponto não é esse – mas esse momento talvez tenha possibilitado uma reflexão do que realmente é importante pra gente e, consequentemente, onde deveríamos usar nosso dinheiro.

As pessoas estão se reinventando e com isso a forma que usam o dinheiro também. Seus gastos com alimentação aumentaram ou diminuíram? Agora talvez ache importante fazer terapia? E algum curso novo? Será que a academia não tá pesando o orçamento? Não é possível mesmo fazer exercício de graça em casa depois que tudo passar? Aprendeu a fazer as unhas sozinha?

Agora que toda saída tem que ser planejada, quanta besterinha, que consome metade do seu cartão de crédito, você deixou de comprar na farmácia? Na padaria? Naquela fast-fashion? Quanto desses itens você percebeu que são dispensáveis? Esse é o raciocínio para você começar a construir uma reserva financeira.

Negocie as dívidas 

Pra você que tem uma dívida, esse talvez seja um bom momento para tentar negociá-la. A Selic, que é a nossa taxa de juros, nunca esteve tão baixa e portanto as instituições estão com mais necessidade – e vontade – do que nunca de receberem o que lhe devem. Para esse momento, se preparem: entendam quanto estão pagando de juros, quanto que está a taxa de juros hoje, quanto que é uma parcela que cabe no seu bolso. Quando chegamos com esses argumentos bem desenhados, fica mais fácil de negociar melhores saídas e soluções.

Peça ajuda

Em meio a tudo que está acontecendo, muita gente perdeu o trabalho ou teve uma baixa grande no orçamento. Estamos vivendo um momento único na história recente. As empresas e as pessoas estão mais abertas a ajudar. Não se feche, não tente resolver tudo sozinha, não se sinta insegura ou tenha vergonha de pedir ajuda e dizer que está com dificuldades, seja para conversar com o banco, seja para pedir para atrasar o aluguel um mês, pra pedir uma ajuda pra um amigo/familiar ou pra fazer outros tipos de trabalho.

Converse sobre o assunto e faça também com que boas soluções cheguem até mais pessoas. Ouvimos histórias de inquilinos que deram 50% de desconto para quem teve o salário reduzido nesse valor, histórias de financiamentos coletivos para quem não está podendo trabalhar, dando certo… Vá atrás dessas opções e também das que os governos e os bancos estão criando. Você pode se surpreender com as possibilidades.

— ♥ —

Texto por Vic e Aninha:

O Invista Como Uma Garota começou em 2018 como um projeto que aproxima mulheres com diálogos informais e sem tabu sobre dinheiro. Questões da mulher no mercado de trabalho, investimentos e orçamento pessoal são temas que abordamos. Somos apaixonadas por educação financeira e economia comportamental e encontramos assim uma forma de contribuir com a liberdade da mulher e sua autonomia financeira.

 

Veja também

Copyright © 2021 Chá de Autoestima. Todos os direitos reservados.